Turista carioca que morreu em acidente em Cruz viajou por 3 países de moto com o marido– Blogdogesso.com

AJ0KDdXLBz4 6K0C1OVvnbhNmr7XpWpSzaZLUoIa2LFnLzj4Uh1levCo99bm Lk4o 1LVwlHDBwGVT5zd9Ksykz5XFEoE10ccRq46OoCRR4aNma02YqhB6SCLu2zISsNEUViv2dEeCalj qKi7Vhw1200 h630 p k no nu

Lula site 155

A turista carioca Rachel Nathalie de Souza Pereira, de 47 anos, que morreu em acidente nesta segunda-feira (22) na cidade de Cruz, no litoral do Ceará, já havia viajou para pelo menos três países como passageiro de uma motocicleta do marido Cláudio Gomes, 49 anos, também ferido.

A motocicleta do casal colidiu frontalmente com um carro na BR-403, entre as cidades de Cruz e Acaraú. Rachel e Cláudio foram socorridos e levados ao Hospital Municipal de Cruz. O homem sofreu alguns hematomas, mas foi liberado posteriormente. A mulher, por outro lado, não sobreviveu aos ferimentos.

Esta não foi a primeira viagem que o casal fez a bordo da motocicleta. Em 2022, os dois deixaram o Brasil e visitaram Peru, Chile e Argentina. Durante 27 dias de estrada, eles também passaram por seis estados brasileiros e duas tríplices fronteiras. A aventura foi compartilhada em suas redes sociais.

“Depois de 27 dias de estrada, atravessando seis estados (SP/MT/MS/RO/AC/PR), três países, cruzando duas vezes os Andes (Peru/Chile/Argentina), passando por duas tríplices fronteiras (Brasil/Peru / Bolívia, Brasil/Argentina/Paraguai), neve, chuva, neblina, vento, calor e mais ou menos 11.000km rodados, finalmente chegamos em casa! Sempre acompanhada e abençoada por Deus!”, dizia publicação de Rachel Nathalie feita em outubro de 2022.

Cláudio e Rachel moravam no Rio de Janeiro e estavam juntos há 10 anos. Os dois compartilhavam o gosto pela aventura e participavam de um motoclube que percorria o país.

casal viajante 5

Na manhã desta terça-feira (23), Cláudio homenageou o companheiro com fotos dos últimos momentos do casal.

“Últimos momentos com você, amor da minha vida! Companheira, parceira, guerreira! Que Deus te receba com luz e calor, nunca te esquecerei. Obrigado por estar sempre ao meu lado, te amo para sempre”, escreveu o motociclista.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.