Pastor evangélico quebra protocolo e rotina para evangelizar nas periferias de Fortaleza[/gpt3] – Blogdogesso.com

ALY8t1umV5yvhEDJ8 OvJZQGAMCDdoqfpHzS58SgqClVIJAFbgzR6xcj BYXmYN2x6QEce2qO8S84ExbAD PIONO9EOKfZiehqSFY3T4S6sOb3tZDhyRXur3pvcDqCJaTrt4 LHSIFtukfoUciQCZhJg22fEUKS kVGS2zLbobSC7AIhrg9uywUzpdzyCYrxmCDlFuow1200 h630 p k no nu


Nesse fim de semana, Jecer Goes, fundador e presidente do Ministério Canaã, um dos maiores ministérios evangélicos do País com cerca de 78 igrejas espalhadas pelo País, saiu, pessoalmente, para evangelizar e visitou o bairro da Barra do Ceará, na capital.

À moda antiga | Pastor quebra protocolo e rotina para evangelizar com programação em bairros e periferias de Fortaleza com alto índice de criminalidade e violência. Segundo especialistas na área da segurança, as igrejas, sejam evangélicas ou católicas, possuem uma importância fundamental para o Estado, pois ajudam na recuperação de pessoas com reintegração de volta a sociedade.

“Através de projetos é possível promover uma cultura de paz, onde se protege, acolhe, alimenta ou fortalece vínculos; além de proporcionar o bem-estar, a dignidade e o desenvolvimento – pessoal e espiritual,” explica Demétrio Cabral da UNB, especialista em segurança pública, ouvido por nossa equipe. Assim, o papel da igreja na transformação social contribui para a construção de uma sociedade mais justa. Desde a sua fundação, as igrejas tem desempenhado um papel importante na transformação social e promoção da justiça, como auxílio aos seus membros mais necessitados, tais quais os órfãos e as viúvas.

As igrejas locais tem a responsabilidade de evangelizar,


Tumore prostatico: la prognosi in base a stadio, grado e rischio

Tumore prostatico: la prognosi in base a stadio, grado e rischio

discipular, cuidar e preparar as pessoas para se reintegrarem em suas respectivas comunidades. Nesse fim de semana, o Pastor fundador e presidente do Ministério Canaã, um dos maiores ministérios evangélicos do País com cerca de 78 igrejas espalhadas pelo País, saiu, pessoalmente, para evangelizar e visitou o bairro da Barra do Ceará, na capital. “A igreja precisa sair de seus templos faraônicos e ir para as ruas e evangelizar as comunidades mais carentes”, defende Jecer Goes, 64 anos de idade.

[/gpt3]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.